AL522

Cartas eruditas, y curiosas, en que, por la mayor parte, se continùa el designio del theatyro critico universal, impugnando, o reduciendo a dudosas, varias opiniones comunes. dedicadas al Excelentissimo Señor Don Francisco Maria Pico por Benedito Jerónimo Feijoo y Montenegro (1676-1764)

FEIJOO Y MONTENEGRO, Benedito Jerónimo (1676-1764)
Cartas eruditas, y curiosas, en que, por la mayor parte, se continùa el designio del theatyro critico universal, impugnando, o reduciendo a dudosas, varias opiniones comunes. dedicadas al Excelentissimo Señor Don Francisco Maria Pico / escritas por el Rmo. P.M. Fr. Benito Geronymo Feijoo. – Madrid: Imprenta de los Herderos de Francisco del Hierro, 1745. – [31],416,[15] p.; 20 cm.
Cota: AL 522
Benedito Jerónimo Feijoo y Montenegro nasceu em Ourense em 1676 e faleceu em Oviedo em 1764. Monge beneditino e notável poligrafo, ensaísta e filósofo espanhol de origem galega é considerado uma das mais importantes figuras literárias da Espanha do século XVIII. Foi professor na Universidade de Oviedo. Entre as suas obras mais importantes destacam-se o Teatro Critico Universal e as Cartas Eruditas e Curiosas. Nesta última obra, publicada entre 1742 e 1760, o sábio beneditino analisa várias ciências, como a Fisica, a História Natural, a Medicina, a Astronomia, a Geografia, a Economia, o Direito Politico, assim como se debruça sobre crenças populares, milagres, personagens históricas, etc…, revelando-se favorável ao método experimental e à reforma dos estudos. As suas obras foram devidamente conhecidas e apreciadas em Portugal, nomeadamente por, Fr. António de S. Caetano e pelo Conde da Ericeira, com quem se correspondeu.
Ver registo completo
Cópias digitais
Cópia pública (jpg) - AL 522
Cópia pública (pdf) – AL 522

tag1700


Coleções: Coleção Obras do século XVIII |